A linha tênue que divide o jovem e o idoso

Todos envelhecemos, e sempre haverá nessa estrada mais velhos, e quem se sinta menos velho e com mais vida… e mais vida! Porque temos a impressão de que velhos são os outros.

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

Em alguns países, a idade é sinônimo de experiência, de poder, e sabedoria. Na sociedade do capital e do consumo, o idoso só será respeitado enquanto fizer parte do sistema de produção, e de geração de renda. Assim, na atualidade, pressionados, os mais velhos devem se recusar a envelhecer, adoecer e morrer.

O significado da palavra idoso depende muito do sentido que você dá para a sua vida e de que forma você encara as adversidades. Ser jovem e ser idoso partem do princípio de que todos querem viver a vida como se o amanhã não existisse, todos querem ultrapassar os limites com certa independência; todos querem correr contra o tempo, mesmo que de cabelos brancos ao vento e ter liberdade sem se importar com a hora de voltar para casa. Todos querem se sentir queridos reavivando o sentido da vida.

Quando somos velhos as coisas mais simples se transformam em maiores desafios, assim como atravessar uma rua, ler a bula de um remédio… e sair de casa se torna um grande desafio.

Aproveite a vitalidade enquanto você a tem. Viva cada momento, por que nós vamos partir um dia. Na adolescência se dá muita importância a qualquer defeito, e não se vive de forma tão plena e feliz! Aproveite, porque você terá menos tempo e mais dificuldades, mas aproveite da mesma forma todos os momentos que restam. Fale mais o que pensa! Aproveite, por que todo mundo dá conselhos sobre tudo, até na alimentação, modo de vestir, de cuidados com a casa, cuidados pessoais. Um dos segredos é sempre fazer o que gosta, e ter autonomia. Aprenda coisas novas. Tenha amigos verdadeiros, e ame-os! Divirta-se com eles. Ria muito.

Para te ajudar no exercício diário do pensar você deve recorrer a práticas de meditação como um meio de fortalecer a memória, e verá os benefícios de esclarecer e ter ideias novas. A meditação traz calma e foco. Eleva a criatividade, nos conduz à proatividade e a reflexão.

Com o aumento da expectativa de vida, associada às mudanças nas tecnologias, o mundo do trabalho permite que a capacidade produtiva dos indivíduos se alongue. Isso deve tornar imprescindível um maior treinamento e qualificação da mão de obra ao longo do ciclo de vida. Portanto, abrace o novo!

O grande desafio dos próximos anos é criar um sistema que seja colaborativo entre as gerações e idosos desprovidos de recursos. E, ao mesmo tempo, criar incentivos para que todos contribuam de forma mais harmônica, com mais responsabilidade e respeito, recebendo a velhice como um tempo potente, intenso e delicado.

Você vai gostar também

Dicas Profissionais

Entrevista com José Zulmar Lopes

O Conexão Melhor Idade entrevistou o profissional José Zulmar Lopes. Leia a entrevista abaixo.

Artigos

Sempre atualizados e dinâmicos

A Revista Home Angels em sua 13ªEdição nos procurou para contar um pouco da nossa história.

Que o amor e o respeito aos mais longevos seja algo mais concreto em nossos dias!

Muito obrigada pelo registro, e destaque na Revista.

Só tenho a agradecer a todos que torcem por mim!

Close Menu